DESPACHANTE É PRESO EM AEROPORTO DE MANAUS POR FALSIFICAR REGISTRO DE EXPORTAÇÃO

29/11/2017

Um despachante foi preso após tentar transportar 12 mil peixes com um Registro de Exportação adulterado nesta terça-feira (28) no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus. Segundo a Polícia Federal, a prisão ocorreu após o funcionário adulterar o documento, que estava com dados errados.

 

A abordagem foi realizada no terminal de cargas III do aeroporto, quando o despachante apresentou o Registro de Exportação adulterado.

 

Segundo a Polícia Federal, no documento apresentado constavam apenas 1,2 mil peixes da espécie Paracheirodon Axelrodiseram, mas, após uma análise dos auditores do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), foi verificado que a quantia real de peixes que seria exportada era de 12 mil.

 

Foi solicitado que o despachante fizesse as alterações necessárias no Registro de Exportação, mas segundo a Polícia Federal, ele apresentou o mesmo registro com a adulteração do número ‘0’, quando foi preso em flagrante. Foram apreendidos os extratos dos Registros de Exportação e os peixes foram recolhidos pelo Ibama.

 

O homem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização do exame de corpo de delito e passará por uma audiência de custódia.

 

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/despachante-e-preso-em-aeroporto-de-manaus-por-falsificar-registro-de-exportacao.ghtml

(29/11/2017)

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Nova ofensiva da Receita Federal: "Operação Log Book"

February 13, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags